Notícias Magazine 2012 PRESS by Koket
  • Noticias Magazine 2012 cover by Koket
  • Noticias Magazine 2012 cover by Koket
Notícias Magazine | 2012 | PORTUGAL
  • DESIGN POR SUSANA PINHEIRO - ENTRE OS EUA E PORTUGAL
  • O MOBILIÁRIO DA KOKET tem registo luso-americano, mas o desenho e a manufatura dos objetos são bem portugueses. Criadas para serem desejadas pelas mulheres - e não só -, estas peças estão a conquistar admiradores em todo o mundo. O mobiliário Koket tem tanto de feminino como de luxuoso, sedutor e extravagante. A luso-americana Janet Morais criou a marca em 2010 «para responder ao desejo das mulheres no espaço casa», diz Rute Estrela, diretora criativa e porta-voz da marca em Portugal, onde os objetos são desenhados e manufaturados.
    A marca está registada nos EUA, onde vive Janet, ou «Janette la coquette», a alcunha por que é conhecida e que usou para batizar a empresa. Autênticas joias de bom gosto, muitas peças são feitas de pedras semipreciosas, pele, seda, veludo, latão e madeira. «E carregadas de dramatismo e exotismo», diz Rute. «É este prazer e opulência exótica que conseguimos transmitir nas nossas coleções que agarram a mulher com toda a sensualidade.» Isto vindo de uma empresa que tem como imagem de marca precisamente «o desejo que provoca nas mulheres».
    Não é por isso de admirar que a organização da conceituada feira de decoração Maison & Objet, em Paris, tenha escolhido o armário Mademoiselle, uma das novidades da Koket, para figurar no cartaz do evento que decorreu recentemente. Rute recorda-se bem do momento em que o desenhou, numa tarde de sábado. «No final sorri e pensei: totalmente Koket! Ou seja, sensualidade, requinte, sedução e desejo no espaço casa.» O Mademoiselle, inspirado na art déco e na cidade parisiense, tem tudo isso e ainda o glamour, dramatismo romântico e exotismo que caraterizam o mobiliário da marca: é folheado a ouro, as portas são revestidas de seda rosa-forte e tem dois painéis de latão polido. O interior é forrado com espelho envelhecido, e tem nove gavetas e duas prateleiras.
    O armário Mademoiselle faz parte da coleção Guilty Pleasures, composta por peças opulentas. Esta coleção também inclui a mesa Intuition, inspirada no movimento de duas fitas dançantes, com estrutura de ferro, lacada de preto mate no exterior e purpurina dourada no interior. Tem tampo de vidro cinza de oito milímetros de espessura. A linha Guilty Pleasures inclui mesa de apoio Kiki inspirada nos movimentos acrobáticos do Cirque du Soleil e feita de latão polido, com tampo de vidro bronze de dez milímetros de espessura. O candeeiro de teto Eternity tem mais de 1200 cristais. «É minuciosamente produzido: cada argola é soldada a pensar no cristal que vai suportar. Cada cristal é aplicado manualmente com alfinetes de latão e alicate». Na forja está o lançamento da nova linha Soft Goods e Rugs da coleção Exotic Opulence.

    1 O candeeiro Eternity tem mais de 1200 cristais. «Cada cristal é aplicado manualmente com o auxílio de alfinetes de latão e alicate», diz Rute Estrela. Custa 4535 euros.
    2 O armário Mademoiselle figurou no cartaz da famosa feira Maison&Objet de Paris. Inspira-se na art déco, é folheado a ouro, as portas são revestidas de seda rosa-forte e tem dois painéis de latão polido. Custa 11970 euros.
    3 A cadeira Délice é revestida de tecido luminoso de padrão crocodilo e tem os pés revestidos a folha de ouro. Custa 2067 euros.
    4 A consola Burlesque tem sete argolas de latão polido que suportam um caixote de quatro gavetas estofado com tecido de padrão de cobra piton, Custa 4300 euros.
    5 O candeeiro Lotus é esculpido à mão, tem corpo de madeira talhada e um abat-jour de seda preta. Custa 2550 euros.
    6 e 7 O banco Mandy foi a primeira peça da marca Koket. Custa 2000 euros. Já o banco Incanto é revestido de seda fina e custa 1464 euros.

    MULHER DOS SETE OFíCIOS

    Aos 26 anos, Rute Estrela é porta-voz e responsável pelo design e comunicação da marca Koket, em Portugal, depois de ter sido designer de interiores e de produto na empresa luso-americana nos EUA. Foi do outro lado do Atlântico que a presidente da marca, Janet Morais, a nomeou designer sénior da Koket. Antes disso, licenciou-se em Arte e Design, na Escola Superior de Educação de Coimbra. Inspira-se na moda, joalharia, design e luxo para o trabalho que faz. E diz que «vive em êxtase» cada vez que participa numa feira, vende uma peça que desenhou ou vê os seus objetos fazerem correr tinta em revistas nacionais e internacionais.

    By Susana Pinheiro ~ Notícias Magazine – Spring 2012 – USA